03
Jan 09

O presidente do Governo Regional da Madeira, Alberto João Jardim, considerou ontem «objectivo e correcto» o discurso de ano novo do Presidente da República mas criticou as reacções partidárias, que classificou de "Muro das Lamentações".

«O discurso foi objectivo e correcto. É aquele o estado do país, que merece reflexão, mas o que não se compreende é virem a seguir todos os partidos com responsabilidades político-constitucionais dizerem que sim, que o Presidente tem razão», disse.

«Até o próprio Partido Socialista, o grande causador de toda esta situação, veio dizer que sim, que o Presidente tinha razão, à maneira de quem está a assobiar para o lado», referiu.

Jardim acentuou que o discurso e posteriores reacções «tornaram-se assim num Muro das Lamentações».

publicado por Alberto Pita às 20:46

pesquisar neste blog
 
Janeiro 2009
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3

4
5
6
7
8
9

14
16

20
22

26
28
31


mais sobre mim

ver perfil

seguir perfil

9 seguidores