05
Mar 09
O secretário regional dos Assuntos Sociais, Francisco Ramos, anunciou ontem que o Governo Regional vai criar um hospital de dia no serviço de medicina interna no hospital central do Funchal.
O responsável pela área da saúde no governo madeirense fez este anúncio na sessão de abertura do XV Congresso Nacional de Medicina Interna que decorre no Funchal até sábado. "Contamos brevemente criar o hospital de dia no serviço de medicina interna do hospital central do Funchal", anunciou.
Para Francisco Ramos, "esta unidade irá permitir prestar uma assistência mais eficaz a doentes cuja situação clínica não exige internamento mas necessita da realização de técnicas complementares para o seu diagnóstico".
A alta comissária para a Saúde, Maria do Céu Machado, defendeu também, hoje, no Funchal, uma gestão integrada da doença crónica de forma a proporcionar que os prognósticos dos pacientes sejam do conhecimento dos médicos intervenientes.
"Tem que haver um gestor ou um coordenador na gestão de cuidados", defendeu Maria do Céu Machado na conferência que hoje proferiu no Congresso. Na gestão de cuidados primários e hospitalares, Maria do Céu Machado indicou a Madeira como uma região piloto para a experimentação da gestão integrada da doença crónica: "a Madeira é um lugar óptimo para fazer esta experiência, dada a sua dimensão", comentou.

Fonte: Texto da autoria do jornal Público

publicado por Alberto Pita às 13:06

pesquisar neste blog
 
Março 2009
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6
7

8
9
10
13

16
18
20

23
25
27
28

30
31


mais sobre mim

ver perfil

seguir perfil

9 seguidores