31
Jul 09

Recebidos com honras militares no aeroporto, o Rei Juan Carlos e a Rainha Sofia iniciaram uma vista de três dias à Madeira, acompanhada por especiais medidas de segurança. Após as cerimónias de boas-vindas, Aníbal e Maria Cavaco Silva reuniram com os monarcas espanhóis num jantar privado.

O encontro deverá ter permitido uma reflexão sobre o actual estádio das relações entre Portugal e Espanha e a situação privilegiada dos seus arquipélagos no contexto futuro da UE, após a entrada do Tratado de Lisboa. Poderá ser uma oportunidade para abordar a questão da Zona Económica Exclusiva.

Localmente, a visita dos Reis de Espanha, na sequência da que realizaram em 2005 aos Açores a convite de Jorge Sampaio, é encarada como uma oportunidade rara de promoção deste destino turístico naquele país, devido à esperada exposição mediática.

A Espanha é, ao gerar 4,1 do cento de visitantes, o quarto mais importante mercado emissor, depois do Reino Unido (32,4), Alemanha (24,4) e França, (6,9). No ano passado a Madeira foi visitada por 43.020 espanhóis (menos 8,4 por cento que em 2007) que geraram 222.467 dormidas (menos 10,9 por cento).
Agentes turísticos madeirenses estão confiantes que a apresentação do madeirense Cristiano Ronaldo no Santiago Bernabeu, quase coincidente com a vista real, ajudará a catapultar o nome desta ilha em Espanha e contrariar aquela tendência decrescente de hóspedes. O mais caro jogador do Real Madrid faz parte, depois do futebolista Luís Figo e antes do Prémio Nobel José Saramago, dos três portugueses mais famosos em Espanha. Segundo revelou recentemente o Barómetro de Opinião Hispano-Luso, os três personagens espanhóis mais famosos para os portugueses são, por esta ordem, o cantor Julio Iglesias, o Rei Juan Carlos e a Princesa Letizia.

Fonte: Texto do Jornal Público

publicado por Alberto Pita às 15:19

pesquisar neste blog
 
Julho 2009
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4

5
6
7
8
9
11

12
15
18

19
22
25

26


mais sobre mim

ver perfil

seguir perfil

9 seguidores