04
Jul 08

Alberto João Jardim esclareceu na Venezuela que pretende transformar as eleições legislativas de 2009 num 'plebiscito' à proposta de revisão constitucional que irá ser preparada pela Assembleia Legislativa da Madeira e não realizar um referendo regional.

Num primeiro momento, Jardim havia falado em referendo, o que suscitou reacções da oposição, que disse que seria ilegal fazer um referendo ao estatuto constitucional da Madeira.

publicado por Alberto Pita às 19:41

01
Jun 08

Pedro Santana Lopes, candidato à liderança do PSD, venceu as eleições directas na Madeira, com 1123 votos num universo de 2500 eleitores, anunciou o PSD/M.

A larga distância ficaram Pedro Passos Coelho (588 votos), Manuel Ferreira Leite (144) e Patinha Antão (14).

Dez votos estavam em branco e outros dez foram anulados.

 Dos 2500 leitores inscritos, apenas 1.884 exerceram o direito de voto, votando maioritariamente em Santana Lopes, que teve o apoio do líder regional do PSD/M e do Governo Regional, Alberto João Jardim.

O governante madeirense não votou por se encontrar em Estrasburgo, numa reunião do Conselho da Europa.

Na votação global, Manuela Ferreira Leite venceu as eleições com pouco mais de 37% dos votos, o que a torna a primeira mulher a liderar o maior partido da oposição.

publicado por Alberto Pita às 22:25

22
Mai 08

O candidato à liderança nacional do PSD, Pedro Passos Coelho, defendeu ontem existir espaço para o «aprofundamento das autonomias regionais» e criticou o Governo da República por alegadamente discriminar a Madeira.

publicado por Alberto Pita às 21:45

12
Mai 08

O Bloco de Esquerda anunciou o seu apoio à candidatura independente 'Pelo Povo de Gaula', liderada pelos antigos militantes socialistas, entre os quais Filipe Sousa.

Segundo o dirigente Roberto Almada, «só havias duas vias sobre a mesa: ir também com uma lista própria ou apoiar uma das listas já existentes».

Em declarações à Agência Lusa, o dirigente do BE disse ter chegado «à conclusão de que esta lista de independentes é a que dá mais garantias para evitar que o PSD/M ganhe mais uma Junta de Freguesia na Região».

«Admitiu que houve contactos com o presidente do PS/M, João Carlos Gouveia, mas que este lhe transmitiu que a candidatura socialista avançará sem aliados», refere ainda a Lusa.

 

 

publicado por Alberto Pita às 12:38
tags: ,

23
Abr 08
O secretário-geral do PS/M, Jaime Leandro, afirmou hoje que a queda dos órgãos autárquicos da freguesia socialista de Gaula (Santa Cruz) visa repor a «legalidade».

Em declarações à Agência Lusa, Jaime Leandro defendeu que «é desejável a decisão tomada pela Assembleia de Freguesia de se demitir em bloco, provocando eleições intercalares».

De acordo com este dirigente, o «PS vai agora reunir e decidir sobre quais serão os seus candidatos às eleições intercalares» que se realizarão a pouco mais de um ano do final do mandato, sendo certo que Nazário Coelho, o actual presidente, não terá o apoio socialista.

O imbróglio em torno desta freguesia santacruzense terá começado com quezílias entre o presidente da Junta e o presidente da Assembleia de Freguesia, Filipe Sousa (que suspendeu o mandato devido à Lei das Incompatibilidades) e o seu irmão e vice-presidente da Junta, Élvio Sousa.

As quezílias envolveram questões de chaves das instalações, sucessivas declarações à imprensa do presidente da Junta de Freguesia acusando os irmãos Sousa de obstrução e, no final, o seu isolamento político na Assembleia de Freguesia.

publicado por Alberto Pita às 22:38

04
Nov 07

O presidente do PS/Madeira anunciou ontem o corte de relacionamento institucional com a estrutura do Movimento Partido da Terra na região, a quem acusa de «quebra de lealdade», noticia a Lusa.

Em declarações à agência noticiosa, João Carlos Gouveia explicou que na base desta decisão está o facto do MPT ter apresentado no parlamento madeirense uma proposta idêntica ao documento que os socialistas colocaram à consideração de todas as forças partidárias, que visava exigir mais meios para os serviços do Ministério da Justiça nesta região.

«A carta a ser enviada ao Procurador-Geral da República foi entregue a todos os partidos, incluindo o MPT para colher apoio das respectivas estruturas partidárias, e este apresentou na Assembleia Legislativa da Madeira uma iniciativa legislativa sobre o mesmo assunto», destacou o líder socialista.

Recorde-se que o MTP surgiu na cena política regional na sequência das divergências entre os deputados João Isidoro e Ismael Fernandes e a estrutura regional do Partido Socialista.

Depois de terem surgido publicamente várias críticas destes deputados ao PS-M e de estes terem tomado posições divergentes das assumidas pelo partido, o PS-M decidiu retirar a confiança política a estes deputados. Foi então que surgiu o partido MTP.

O Movimento foi a votos pela primeira vez nas eleições antecipadas de 6 de Maio de 2007, tendo conseguido eleger um deputado. João Isidoro é quem ocupa o lugar.

Fonte: Agência Lusa

publicado por Alberto Pita às 14:16

28
Set 07

O líder do PSD-M, Alberto João Jardim, considerou, esta quinta-feira, que a solução de adiar as eleições internas para a liderança do partido a nível nacional seria uma forma de prolongar o sofrimento.

«Adiar eleições era prolongar um sofrimento, isto tem que ser resolvido e já, fazer-se o congresso na altura devida e quem não estiver satisfeito ou quem acha que há irregularidades, estamos num País livre, se quiser ir para tribunal, vai», defendeu.

Alberto João Jardim disse ser necessário cumprir os prazos estabelecidos porque, na sua opinião, «o partido ficava muito mal se cedesse a este espectáculo triste que anda a dar na praça pública».

O líder do PSD-Madeira reiterou ainda o apoio à candidatura de Marques Mendes.

 Fonte: Agência Lusa

publicado por Alberto Pita às 03:21

19
Ago 07

Os presidentes do PSD-Açores, do PSD-Madeira e Francisco Pinto Balsemão, integram a Comissão de Honra da candidatura de Marques Mendes, disse hoje à Agência Lusa Luís Campos Ferreira, da direcção de campanha do líder do partido.

«A Comissão de Honra deverá contar com dezenas de nomes e ainda não está fechada, mas podemos confirmar que o militante número um, Francisco Pinto Balsemão e os presidentes dos PSD-Açores e PSD-Madeira, Carlos Costa Neves e Alberto João Jardim, integram esse órgão», disse Luís Campos Ferreira.

A Comissão de Honra de Marques Mendes conta ainda, entre outros nomes, com Barbosa de Melo, antigo presidente da Assembleia da República, Eduardo Catroga, ex-ministro das Finanças de Cavaco Silva, e Teresa Gouveia, actual administradora da Fundação Calouste Gulbenkian e antiga ministra dos Negócios Estrangeiros de Durão Barroso e ministra do Ambiente e Recursos Naturais com Cavaco Silva.

Os militantes do PSD vão eleger no próximo dia 28 de Setembro, pela primeira vez, o líder do partido em escrutínio directo, para o que terão de escolher entre Luís Marques Mendes, que se recandidata ao cargo de presidente da Comissão Política Nacional, Luís Filipe Menezes, presidente da câmara de Vila Nova de Gaia, e Castanheira Barros, advogado, militante de base residente em Coimbra.

Fonte: Agência Lusa

publicado por Alberto Pita às 19:56

pesquisar neste blog
 
Outubro 2010
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2

3
4
5
6
7
8
9

10
11
12
13
14
15
16

17
18
19
20
21
22
23

24
25
26
27
28
29
30

31


mais sobre mim