10
Jan 08
O jornal Açoriano Oriental escreve que o grupo parlamentar do PCP-M apresentou hoje, na Assembleia Legislativa da Madeira, «um projecto de resolução propondo a realização de um referendo ao Tratado da União Europeia, iniciativa que tem o apoio do PSD-M e do seu líder, Alberto João Jardim».
A Assembleia Legislativa da Madeira aprovou entretanto a resolução apresentada, tendo a mesma recebido a concordância do PSD-M, CDS/PP-M, MPT/M, PCP-M, PND-M e BE-M e o chumbo do PS-M.
Recorde-se que o Governo da República, a Assembleia da República e os dois principais partidos portugueses - PS e PSD - apoiam a ratificação do Tratado por via parlamentar e desaprovam a realização de um referendo sobre o mesmo, pelo que a iniciativa madeirense não terá qualquer efeito prático, a não ser marcar uma posição política.
publicado por Alberto Pita às 19:08

comentário:
Que futuro para a Europa, quando os seus governantes forçam o cidadão europeu a aceitar o Tratado cozinhado em Lisboa?

E quando, a justificação para não referendar o dito Tratado, é nas palavras destes iluminados governantes, a incapacidade do cidadão em compreender o seu texto quando, calculada e meticulosamente, ele foi manipulado de modo a torná-lo o mais confuso e obtuso possível, que nome devemos chamar a esta gente?

Que pressa os fará correr assim?
ruy a 10 de Janeiro de 2008 às 22:42

pesquisar neste blog
 
Janeiro 2008
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5

6
7
8
9

15
17

21

27


mais sobre mim

ver perfil

seguir perfil

9 seguidores