25
Fev 08
A greve dos trabalhadores dos CTT está a afectar a distribuição de correspondência nas cidades madeirenses do Funchal, Câmara de Lobos e Porto Santo, disse à agência Lusa o director regional da empresa.

Carlos Rodrigues contrariou o valor de 96% de adesão avançado pela estrutura sindical na região, apontando que o índice é de 32,9%.

«Estão em greve 99 pessoas de um efectivo total na Madeira de 301 (254 efectivos e 47 contratados a termo)», adiantou o mesmo responsável.

Carlos Rodrigues garantiu que todas as 28 estações dos CTT existentes no arquipélago estão abertas.

publicado por Alberto Pita às 19:03
tags: ,

Mais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog tem comentários moderados.

Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.


pesquisar neste blog
 
Fevereiro 2008
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2

3
4
5
6
7
8
9


21



mais sobre mim

ver perfil

seguir perfil

9 seguidores

subscrever feeds