31
Mai 08

A «Operação Furacão» atingiu o coração empresarial e político da Madeira.

Além de Joe Berardo e Horácio Roque, o «SOL» apurou que outros grandes empresários da Região, como Jaime Ramos, Avelino Farinha e Jorge Sá, estão também a ser investigados pelas equipas do Departamento Central de Investigação e Acção Penal (DCIAP) da Procuradoria-Geral da República.

Os investigadores estiveram ainda a recolher documentação na Direcção Regional de Finanças.

Ao todo, entre terça-feira e quinta-feira à tarde, foram realizadas cerca de 50 buscas em Lisboa, no Algarve e na Madeira. Mas a esmagadora maioria das diligências decorreu nesta região autónoma, tendo sido recolhida muita documentação.

Os mandados foram emitidos em nome dos próprios empresários (no caso de buscas às residências, como foi o caso de Joe Berardo), de advogados e de administradores de empresas. E diziam expressamente os crimes por que estão a ser investigados: branqueamento de capitais, fraude fiscal e falsificação de documentos. Ao que apurou o SOL, ninguém chegou a ser constituído arguido.

Fonte: Texto da autoria integral da Agência Financeira

publicado por Alberto Pita às 21:32

Mais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog tem comentários moderados.

Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.


pesquisar neste blog
 
Maio 2008
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3

4
5
6
7
8
9

11
14


27


mais sobre mim

ver perfil

seguir perfil

9 seguidores

subscrever feeds