22
Out 07
O presidente do Governo Regional, Alberto João Jardim, acusou, hoje, o Governo da República de «autista», «imprudente» e «incompentente», face à onda grevista que grassa em Portugal, designadamente a paralisação dos pilotos portugueses contra a a reforma aos 65 anos.

«Claro que vai trazer sempre transtornos mas esta onda de descontentamento social não pode ser imputada aos pilotos», reconheceu João Jardim à margem da inauguração das obras de redimensionamento da Escola Básica do 1/o Ciclo com Pré-Escolar da Igreja, na Freguesia da Camacha.

«Eu compreendo os pilotos, não vou dizer que estou solidário pois obviamente a Madeira sai prejudicada deste surto grevista mas, em consciência, tenho que dizer que compreendo muito as razões que eles invocam», disse.

«Penso que o Governo socialista está autista porque estão a criar, aqui, graves problemas sociais, por exemplo esta loucura, agora, de mais impostos sobre as reformas», acrescentou.

«Isto é tudo uma loucura e não pense o Governo que, brincando à Presidência Europeia, o povo vai esquecer», salientou.

Relativamente ao Orçamento de Estado, em que os deputados do PSD-M na Assembleia da República vão votar desfavoravelmente, Alberto João Jardim comentou que a Madeira «continua a ser roubada» porque o OE baseia-se na segunda Lei das Finanças Regionais e é expressão de «uma trapalhada própria de incompetentes» porque «aparecem a dizer que são uns números e depois dizem que são outros».

Fonte: Texto da autoria da Agência Lusa

publicado por Alberto Pita às 22:50

Mais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog tem comentários moderados.

Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.


pesquisar neste blog
 
Outubro 2007
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6

7
8
9


27



mais sobre mim

ver perfil

seguir perfil

9 seguidores

subscrever feeds